ADVOCACIA TRABALHISTA

Ver PDF | Ver Impressão
por: rafa_acheti Total leituras: 116 Nº de Palavras: 1195 Data: Tue, 30 Jul 2013 Hora: 8:47 AM 0 comentários

A advocacia trabalhista tem como principal e único intuito seguir as leis trabalhistas e defender os direitos no trabalho. Isso cabe tanto defender o funcionário lesionado como a empresa que abre determinado processo de trabalho.

Nos dias de hoje podemos encontrar diversos escritórios de advocacia trabalhista na cidade de São Paulo e dos mais variados tamanhos, popularidade e até escritórios de advogados autônomos que na maioria das vezes montam seu escritório jurídico em sua própria casa ou em alguma sala comercial de pequeno porte.

Todos sabem que os advogados alem de cuidar de suas vestimentas devem manter sua aparência “moral”, ou seja, demonstrar com atos e não com palavras que tem uma atitude correta e justa perante um processo trabalhista. O que difere um escritório de advocacia de outro não é seu porte ou credibilidade ou fama publica. O que faz um bom escritório de advocacia são as atitudes honestas e sinceridade perante o problema de seu cliente.

advogado deve não só transparecer uma atitude positiva e ser fiel ao seu cliente, mas deve também ser justo e fiel com ele mesmo mantendo uma conduta e honesta consigo mesmo, lutando e batalhando com todas suas forças para honrar o poder que a ele foi concebido depois de muito esforço e estudo. Essa atitude além de obter boas recomendações de seus clientes para outras pessoas se ganha credibilidade e transparência em uma função privilegiada.

A maioria dos escritórios de advocacia somente pensa em ganhar dinheiro fácil ou pior que isso, eles prejudicam e falam mal de outros escritórios para conseguirem um processo. Essa não deve ser a meta de nenhum advogado e muito menos de algum escritório de advocacia, que deve realizar um trabalho digno e satisfatório para seu cliente.

Esse fato faz com que advogado trabalhista seja visto como um aproveitador, o que não é verdade, mas infelizmente é o que vemos no dia a dia.

Nos dias de hoje o advogado virou mais uma profissão de “vendas” e perdeu sua essência do conteúdo aprendido nas faculdades de direito, que juraram auxiliar pessoas de forma correta e conciliar conflitos trabalhistas ou de outra natureza.

Até que ponto vale à pena ter uma formação de direito? Pelo dinheiro? Só por isso?

Dano moral, assédio moral, assédio sexual, dentre outros pedidos, estão na moda – em qualquer petição inicial, por menor que seja o ato, já são feitos pedidos astronômicos. Ocorre que o ônus da prova é de quem alega e na audiência o advogado ?ca a ver navios, tendo em vista que não há prova contundente de seu pedido.

Atualmente existem advogados que falam demais e falam difícil somente para impressionar o cliente e mostrar que sabem tudo sem dar a chance de ouvir a opinião do próprio cliente, que muitas vezes não entendeu nada do que o advogado está falando. A maioria dos escritórios de advocacia tem seus advogados rudes e mal educados que não sabem conversar e muito menos estão preocupados com real problema do cliente.

Na maioria dos casos o cliente não contou determinado problema para ninguém e acaba desabafando com seu advogado e esse tem a função de ouvir, entender e apoiar seu cliente. Essa é a essência que os advogados de hoje em dia devem aprender. Devem ter humildade de entender o cliente e se colocar no lugar dele, pois somente assim o advogado chegará às melhores possibilidades de ajudar o cliente.

Outro problema muito comum que muitos escritórios de advocacia falham é explicar para o cliente a “explicação jurídica” e a “explicação lógica”. A jurídica somente os advogados entendem e lógica é usar um português claro e simples para que o cliente entenda.

Quando estiver com seu cliente pela primeira vez fale sobre você e agradeça por ter te escolhido. Mostre interesse nele e anote todos os pontos importantes sobre o processo que você poderá usar depois no desenvolvimento de sua defesa. O cliente muitas vezes mente ou somente mostra seu lado da estória e isso com o decorrer do processo pode prejudicar o advogado ou o escritório de advocacia trabalhista, portanto sempre tenha o maior numero de provas e testemunhas possíveis para manter a integridade do trabalho do advogado.

Finalizando, um escritório de advocacia trabalhista deve manter todos os quesitos e dicas acima explicadas nos parágrafos anteriores. Seguindo esses simples conselhos com certeza a justiça no Brasil e no mundo se tornará mais humana e o advogado será muito mais importante do que é nos dias de hoje.


Sobre o Autor

Raphael Acheti, Advogado desde 1997




Pontuação: Não pontuado ainda


Comments

No comments posted.

Add Comment