Como apreciar um bom jogo de futebol

Ver PDF | Ver Impressão
por: CR28 Total leituras: 178 Nº de Palavras: 1033 Data: Fri, 19 Jul 2013 Hora: 12:08 PM 0 comentários

Para apreciar um bom jogo de futebol é preciso estar o mais descontraído possível e encarar o desafio com espírito positivo. Se as coisas não resultarem bem, isto é se a equipa do coração não conseguir vencer, é necessário assumir a derrota com humildade e dignidade. Saiba como apreciar um bom jogo de futebol e vibre ao máximo com as melhores jogadas do encontro.

Escolher o local onde vai assistir ao jogo

Para os apaixonados e entusiastas acérrimos não há melhor local do que o estádio para assistir a um bom jogo de futebol. No estádio, sente-se a bancada a puxar pelos seus jogadores, a vibrar na hora do festejo e não se ouve o vizinho do 3º esquerdo a gritar “golo” quando a bola ainda está no meio-campo da nossa televisão. No entanto, para quem gosta de assistir a todos os detalhes, como por exemplo avaliar com muita atenção as situações de fora-de-jogo ou as repetições e fazer apostas desportivas, não há nada melhor do que estar recostado no sofá a assistir a um jogo na TV.

Aspetos que condicionam a apreciação de um jogo de futebol

Depois de escolher o local onde vai assistir ao jogo, é necessário atentar para alguns aspetos que vão tornar o jogo ainda mais interessante, como por exemplo:

A rivalidade das equipas que se vão defrontar. De um modo geral, existe uma relação directa entre a rivalidade e a “temperatura” do jogo. Quanto maior for a rivalidade, maior será a intensidade do jogo. Este facto está inerente à cultura que cada país tem em relação ao desporto, excetuando a era do hooliganismo nos países anglo-saxónicos, o futebol é vivido com muita paixão mas também com muito respeito. Contudo, nos países latinos, a paixão que move os adeptos é por vezes exacerbada e incontrolada, o que causa muitas altercações e, nos casos extremos, leva a confrontações diretas e mortes.

A qualidade dos jogadores envolvidos. Os jogadores são os atores principais do espetáculo do futebol. É à custa deles que as pessoas saem de casa e pagam preços, por vezes impensáveis, o que faz com que esta seja uma indústria de milhões. Este mercado alimenta jornais, revistas desportivas, sites, blogues, indústrias têxteis e indústrias de marketing, casas de apostas. Geralmente os futebolistas de maior qualidade encontram-se nas melhores ligas, o que acaba por ser natural porque são as que possuem mais dinheiro e pagam melhor. No entanto, atualmente, existe uma tendência para que os jogadores em final de carreira sejam contratados por equipas de países em expansão económica como o caso do Brasil, Rússia, China ou países do Médio Oriente. 

Os aspetos técnicos. Como os jogadores são o motor do jogo é importante que sejam dotados de bom futebol, isto é visível no modo como dominam a bola, da maneira como efetuam um passe longo ou até quantos toques dão até fazerem um passe curto. É importante ter a capacidade de drible e o poder de finalização.

Os aspetos táticos. O melhor sítio para avaliar a vertente tática de uma equipa é no estádio, onde o espetador tem uma visão completa do relvado e não apenas os 25m2 que são possíveis de ver pela TV. A tática é o futebol sem bola, ou seja, é o posicionamento da equipa e de cada jogador durante as fases ofensivas ou defensivas do jogo. É muito interessante ver as movimentações de um avançado tentando se desmarcar e fugir à marcação e por outro lado é também muito interessante ver como o defesa se posiciona para tentar impedir que a bola chegue ao seu opositor e este possa finalizar com sucesso. É no posicionamento que se vê a eficiência de uma marcação mista zona/homem durante a marcação de um canto ou em contrapartida de um lance de bola parado estudado por quem está a atacar.

Os festejos dos golos. Este ponto é mais uma curiosidade do que um aspeto importante, mas todo o espetador tem prazer em festejar um golo com o jogador que acaba de o marcar. Existem alguns jogadores criativos que já habituaram os espectadores a festejos novos e excêntricos a casa golo e outros que tem festejos típicos.

O pós-jogo. Depois de terminado o jogo existem as flash-interviews e as conferência de imprensa onde os jornalistas tentam obter alguns comentários polémicos de jogadores e treinadores. Contudo, como geralmente estes são politicamente corretos, tem frases feitas que dizem no fim de todos os jogos. Em caso de vitória o jogador convidado é o que marcou golo e diz algo do género “o importante foi a equipa não foi o golo”, já em caso de derrota a frase é “foi apenas um jogo, agora é preciso levantar a cabeça e pensar no próximo jogo”.

Sobre o Autor

Saiba como apreciar um bom jogo de futebol e vibre ao máximo com as melhores jogadas do encontro.




Pontuação: Não pontuado ainda


Comments

No comments posted.

Add Comment