Artigos sobre Finanças

231: VGBL ajuda na sucessão das PMEs
Além da vantagem de ficar fora do inventário e de não precisar pagar o ITCMD, os sócios podem escolher a tributação pela tabela regressiva. Com ela é possível postergar o pagamento do Imposto de Renda, que incidirá somente no resgate ou na transferência aos beneficiários no caso de falta do titular.

232: Questão jurídica gera insegurança
Ainda não há certeza se os recursos acumulados nos fundos de previdência privada e seus rendimentos podem permanecer fora de inventários e partilhas, ou impedidos de serem penhorados para pagamento de dívidas. A Justiça brasileira aceita em alguns casos que os valores estejam protegidos, mas há discussões que geram insegurança jurídica para o uso desse produto em algumas situações.

233: Opção de regime tributário tem muitas variáveis
No cálculo de quanto entra em cada faixa da tabela progressiva nesse sistema de tributação, os recursos da retirada do plano serão somados ao restante da renda obtida no mesmo ano pelo contribuinte. Nesse resultado serão feitos os abates de despesas ocorridas no mesmo período - como gastos com planos de saúde - e, só então, será possível saber as alíquotas de imposto que serão aplicadas efetivamente.

234: Deduções em fundos são vantagens na hora do IR
Há mais uma vantagem fiscal nos planos de previdência privada que é oferecida igualmente aos dois tipos de produtos, VGBL e PGBL: a não incidência de IR sobre os valores depositados nos fundos durante o período de acumulação. Este é um diferencial importante em comparação a outros tipos de aplicação.

235: Carteira deve superar R$ 330 bilhões até o fim do ano
A captação de recursos em fundos de previdência aberta mostra que o brasileiro está convencido de que precisa poupar para realizar sonhos como aposentadoria tranquila, abertura de um negócio próprio, realizar uma viagem ou mesmo concluir um curso superior ou de pós-graduação. Os ativos da indústria registraram incremento de 24,7%, até setembro, acompanhando a evolução dos últimos anos, de 22% em 2010 e de 20,5% em 2011.

236: IPO de nova empresa do BB impulsionará valor, diz Barclays
Para os analistas do banco de investimentos britânico Barclays, se for concluída, a operação deve “liberar” o valor intrínseco do negócio de seguros do BB, mais rentável do que as operações de varejo do banco. O Barclays recomenda a compra das ações ordinárias (com voto) do BB, e estabeleceram um preço justo de R$ 44, o qual deve ser atingido em 2013.

237: Renda adequada
Nos últimos anos, o maior desafio das empresas de previdência privada era convencer o brasileiro, com pouca renda e acostumado a pensar no curto prazo, a se conscientizar de que o futuro começa hoje. Um grande passo foi dado. A expectativa é de que o setor encerre o ano com R$ 330 bilhões. Em 2020, arriscam os especialistas, deve chegar a R$ 1 trilhão.

238: AIG aposta em tecnologia para crescer no Brasil
Com um investimento de U$ 10,5 milhões, a plataforma está sendo desenvolvida no Brasil e é a principal estratégia da companhia para atingir o R$ 1,3 bilhão em receita que projeta obter nos próximos cinco anos. A companhia também pretende exportar o projeto para os outros lugares em que atua, começando pelos países da América Latina.

239: População brasileira envelhece acima da média global, diz IBGE
O estudo mostra ainda que a proporção de mulheres sem filhos difere de acordo com a escolaridade. Entre mulheres com até sete anos de estudo de 15 a 19 anos, 18,3% tinham filhos, sendo que do total de mulheres com oito anos ou mais de estudo, na mesma faixa etária, apenas cerca de 7% tinham filhos.

240: Thaeme e Thiago participam de campanha da Tele Sena de Natal
O filme traz uma versão da música “Ai que dó”, da dupla Thaeme e Thiago, que comenta as chances de ganhar com a Tele Sena de Natal e destaca que o consumidor, ao raspar a cartela, pode ganhar todos os prêmios de uma única vez. “Para nós é muito importante participar de uma campanha da Tele Sena. Temos pouco tempo de carreira e já fomos honrados com essa conquista”, ressalta Thaeme.


Página 24 de 54
[1]   [2]   [3]   [4]   [5]   [6]   [7]   [8]   [9]   [10]   [11]   [12]   [13]   [14]   [15]   [16]   [17]   [18]   [19]   [20]   [21]   [22]   [23]   [24]   [25]   [26]   [27]   [28]   [29]   [30]   [31]   [32]   [33]   [34]   [35]   [36]   [37]   [38]   [39]   [40]   [41]   [42]   [43]   [44]   [45]   [46]   [47]   [48]   [49]   [50]   [51]   [52]   [53]   [54]